Vacinação contra gripe começa em Alambari

A Prefeitura de Alambari, através do departamento de saúde, participa da 20ª Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza. A mobilização começa no dia 23 de abril e seguirá até 1º de junho, sendo sábado (12 de maio), o dia de mobilização nacional. Ao todo, deverão receber a vacina em todo o Brasil 54,4 milhões de pessoas que integram os grupos prioritários. Em Alambari, a vacinação acontece na UBS Central, localizada à rua José Vlademir Noronha de Oliveira, 150, centro e na PSF Tatetu, localizada à rua Itapeva, 101 – Tatetu, ambos com atendimento para vacinação das 08h00 às 16h00.

Grupo prioritário

O grupo prioritário da campanha são pessoas a partir de 60 anos, crianças de seis meses aos menores de cinco anos, trabalhadores de saúde, professores das redes pública e privada, povos indígenas, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), pessoas privadas de liberdade – o que inclui adolescentes e jovens de 12 a 21 anos em medidas socioeducativas – e os funcionários do sistema prisional.

Os portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais também devem se vacinar. Este público deve apresentar prescrição médica no ato da vacinação. Pacientes cadastrados em programas de controle das doenças crônicas do Sistema Único de Saúde (SUS) deverão se dirigir aos postos em que estão registrados para receberem a vacina, sem a necessidade de prescrição médica.

A escolha dos grupos prioritários segue recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS). Essa definição também é respaldada por estudos epidemiológicos e pela observação do comportamento das infecções respiratórias, que têm como principal agente os vírus da gripe. São priorizados os grupos mais suscetíveis ao agravamento de doenças respiratórias.

Casos da doença no Brasil

Em 2018, até 14 de abril, foram registrados 392 casos de influenza em todo o país, com 62 óbitos. Do total, 190 casos e 33 óbitos foram por H1N1. Em relação ao vírus H3N2, foram registrados 93 casos e 15 óbitos. Ainda foram registrados 62 casos e 6 óbitos por influenza B e os outros 47 casos e 8 óbitos por influenza A não subtipado.

No mesmo período de 2017, foram registrados 394 casos e 66 óbitos por influenza no país. Desse total, 25 casos e 7 mortes foram por H1N1; 244 casos e 30 óbitos por H3N2; 81 casos e 24 óbitos por influenza B; e 44 casos e 5 mortes por influenza A não subtipada. Em todo o ano de 2017, foram registrados 2.691 casos e 498 óbitos por influenza.

Fonte: Ministério da Saúde.

Serviço:

Vacinação Influenza em Alambari

Das 08h00 às 16 horas.

UBS Central

Rua José Vlademir Noronha de Oliveira, 150, centro.

PSF Tatetu

Rua Itapeva, 101 – Tatetu.